Os ganhos da implantação do cartão alimentação nas empresas

Tempo de leitura: 5 minutos

Sabemos que um plano de benefícios bem estruturado pode render diversas vantagens para a empresa, que vão desde a promoção da qualidade de vida para o funcionário até o aumento da produtividade. Um dos incentivos mais utilizados pelas empresas hoje em dia é o cartão alimentação, que propicia muitos ganhos na organização, com você verá abaixo.

O cartão está previsto em grande parte das convenções coletivas, mas pode ser incluído a qualquer tempo no rol de benefícios oferecidos — sem a necessidade de normas específicas para isso. A única exigência é a inscrição no PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador).

Esse voucher tem o objetivo de assegurar que o profissional tenha acesso a provimentos saudáveis. Apesar de parecer um benefício voltado única e exclusivamente ao trabalhador, a empresa tem muito a ganhar. É sobre isso que vamos falar no post de hoje. Continue a leitura!

Quais aspectos melhoram com o cartão alimentação?

A maioria dos benefícios empresariais é uma via de mão dupla. Ou seja, além de proporcionarem algum tipo de conforto ou incentivo aos funcionários, também ajudam a melhorar diversos aspectos do negócio. Essas melhorias ocorrem no ambiente interno e externo, como veremos a seguir.

Imagem da empresa

Da perspectiva externa, uma das principais melhorias é em relação à imagem corporativa. Afinal de contas, quando seus colaboradores estão satisfeitos com as condições oferecidas, eles se tornam divulgadores da marca — promovendo o lugar como uma ótima empresa para trabalhar.

Dessa forma, os familiares e as pessoas que fazem parte da comunidade (stakeholders) passam a enxergar um cuidado mais próximo e humano com quem colabora. Em um cenário em que é difícil atrair bons funcionários, por exemplo, essa influência é totalmente positiva.

Outra questão é a imagem que se forma perante parceiros, clientes e fornecedores. Ao se tornar uma empresa amiga dos colaboradores, é possível conquistar novos e melhores contatos no setor. Isso porque as melhores organizações querem se aliar a negócios que valorizam seu capital humano — oferecer o cartão alimentação pode ser o primeiro passo!

Qualidade de vida do colaborador

Como citamos no primeiro parágrafo, se preocupar com a qualidade de vida do colaborador é realidade nas empresas contemporâneas. Mas você deve estar se perguntando qual a influência do cartão alimentação nesse ponto, não é mesmo?

Muitos alimentos são associados ao desenvolvimento de problemas cardíacos, câncer, obesidade e diabetes tipo 2. Então, a resposta é que uma boa alimentação tem o poder de prevenir diversas doenças em médio e longo prazos.

Com uma dieta balanceada e rica em nutrientes, qualquer profissional desenvolve suas funções com mais atenção, bom humor e equilíbrio. Por isso, além de permitir o acesso a uma gama de alimentos saudáveis (por meio do cartão alimentação), a empresa também tem o papel de fornecer informações aos funcionários sobre como manter uma alimentação saudável.

Produtividade

Os benefícios empresariais e a produtividade caminham lado a lado desde sempre. Um estudo da  Assert (Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador) sobre a produtividade dos trabalhadores brasileiros mostrou aumento de 56% entre 1977 e 2014.

Essa evolução teria acompanhado a quantidade de empresas que aderiram ao PAT. Segundo a associação, o profissional bem alimentado produz mais e de forma constante. A análise também mostrou um ganho de 5% em produtividade pelas empresas.

“Estudos indicam que uma dieta deficiente reduz a habilidade dos trabalhadores, diminuindo a oferta de trabalho e a eficiência da produção”, diz um trecho da publicação.

Taxa de turnover

Um dos motivos que levam bons profissionais a buscarem outro emprego é a falta de benefícios. Diante desse cenário, muitas empresas têm buscado alternativas para reter essas pessoas e, consequentemente, diminuir a rotatividade.

Para a Catho, uma das maiores plataformas online de currículos e vagas, o temido turnover tem algumas explicações palpáveis. A empresa fez uma pesquisa em 2014 com mais de 26 mil pessoas que apontaram o cartão alimentação como um dos benefícios mais importantes. Na opinião dos participantes, ele fica atrás apenas da assistência médica e da participação nos lucros.

Outro dado interessante: mais de um terço dos entrevistados disse que pediu demissão depois de ter recebido uma proposta de trabalho melhor. Isso mostra que alguns benefícios já fazem parte da cultura brasileira e, de maneira geral, não são mais considerados um diferencial.

Portanto, o voucher é praticamente uma obrigação para quem deseja manter os colaboradores qualificados no quadro de funcionários.

Acidentes de trabalho

Influenciado por diversos fatores, o número de acidentes de trabalho é algo que preocupa os gestores de qualquer negócio. De acordo com a Previdência Social, foram registradas 612 mil ocorrências em 2015 — 14% a menos que em 2013, quando 725 mil casos foram formalizados.

Dentro das empresas, a implantação do cartão alimentação tem boa parcela na redução desses incidentes. Mas, por quê? Porque quando falamos de aumento da produtividade também nos referimos à qualidade de execução do trabalho.

Aqui, todos os fatores vão se unindo: qualidade de vida, produtividade e redução dos acidentes. Afinal, com a alimentação e o bem-estar pessoal em dia o profissional consegue desempenhar suas atividades com mais atenção.

Isenções e incentivos fiscais

Agora vamos falar de uma vantagem que mexe diretamente com o bolso da empresa: isenções e incentivos fiscais. Quando o negócio está inscrito no PAT, programa governamental criado especificamente para regulamentar a oferta do cartão alimentação, os empregadores recebem isenção de alguns encargos sociais sobre o valor do benefício.

Viu como a implantação desse benefício só traz ganhos para empresa e colaborador? Agora que você sabe como funciona e quais as vantagens do cartão alimentação, conheça o UTIL Alimentação. Esse sistema foi desenvolvido pela FACISC e tem investimento zero!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *